Sexta-feira, 18 de abril de 2014

ESTUDOS BÍBLICOS

O DESAFIO DE ELIAS NO MONTE
     Desde a criação do mundo a relação do homem com o seu Criador, é envolvida por segredos e mistérios que traçam o perfil de pessoas, que confiando em Deus se lançaram na ousadia da fé.
     “Os quais pela fé venceram reinos, praticaram a justiça, alcançaram promessas, fecharam a boca de leões, apagaram a força do fogo, escaparam ao fio da espada, da fraqueza tiraram forças, tornaram-se poderosos na batalha, e puseram em fuga exércitos de estrangeiros” (Hebreus 11:33-34).
     Neste estudo vamos falar sobre os sete segredos que marcaram a vida do profeta Elias. Nós vamos penetrar na descoberta de segredos envolventes e extraordinários que nos mostram a força de fé de um homem de Deus que fez por meio de sua oração, parar de chover, e fez cair fogo do céu. Um homem de atitude e de fé que cultivava uma vida de oração no monte sagrado, que não se intimidou em obedecer ao rei Acazias que lhe ameaçava enviando duas tropas de soldados para obrigar-lhe a descer do monte, pelo contrário, ele invocou fogo do céu que destruiu todos os soldados (II Reis 1:9-12).
     Você vai observar neste estudo que uma das particularidades de Elias era seu envolvimento com o Monte Sagrado. Elias morava no monte. Todo o ministério do profeta Elias foi marcado por grandes acontecimentos e operações de Deus através da oração no monte.
     Eis os sete segredos do profeta Elias:

1º Segredo: Ouvir a voz do Espírito
     O profeta Elias vivia em oração na montanha sagrada. No monte, Elias falava com Deus; profetizava; vencia os seus inimigos; via a glória de Deus, e Deus tratava com ele. Quando Elias se sentiu fraco, cansado, só, o Senhor o chamou par o monte, porque ali no monte, Elias teria um encontro como Senhor Deus Todo Poderoso que sempre lhe deu vitórias no monte santo (I Reis 19:11). Deus trata com Elias no monte, através de uma brisa suave (I Reis 19:11-13).

2º Segredo: Obediência no monte
     Deus mandou Elias se apresentar ao rei Acabe porque o Seu povo se desviaria da verdade servindo às idolatrias. Aquele encontro deveria ser no monte Carmelo, pois no monte do Senhor haveria vitória sobre os inimigos (I Reis 18:17-20).
     O Espírito de Deus ordenou a subida no monte, Elias obedeceu. Elias era temente a Deus, ele sabia obedecer para vencer (I Reis 18:36).

3º Segredo: Profetizar
     Elias sempre profetizava no monte sagrado. No monte, Elias disse a Acabe que não haveria chuva, nem orvalho na terra por alguns anos segundo a palavra dele (I Reis 17:1). E por três anos e seis meses não houve chuva na terra (Hebreus 5:17).
     Novamente no monte, Elias profetizou que viria abundante chuva e Acabe deveria se apressar porque a chuva já vinha, e a chuva desceu sobre a terra, após a grande seca que já durava quase quatro anos (I Reis 18:41-45).
     Elias profetizou que fogo cairia do céu e fogo caiu do céu (I Reis 18:24-38).

4º Segredo: Coragem para obedecer
     Elias era como todo profeta de Deus, um homem ousado. Quando Elias disse que não haveria chuva na terra segundo a palavra dele, ele afrontou o rei Acabe. A partir dali, Acabe procurava por Elias, querendo matá-lo, e Elias corria risco de cair nas mãos dele. Mas quando o Senhor mandou ir ao encontro do rei, Elias não temeu (I Reis 18:1). Quando novamente, após a derrota dos profetas de Baal, depois da morte do rei Acabe, Acazias seu filho reino em seu lugar e este mandou soldados atrás de Elias, e Elias se encontrava no monte. O anjo do Senhor disse a Elias que descesse para se encontrar com Acazias, Elias novamente não temeu (II Reis 1:15).
     O grande segredo da fé, de uma pessoa de Deus está na coragem para obedecer, porque a ordem de Deus te leva a bater de frente com a realidade que está diante de vossos olhos. E para mudar esta realidade, você precisa crer na operação sobrenatural do Senhor e entender que Ele está no controle de tudo (II Reis 1:15-18).

5º Segredo: Derrotar o inimigo no monte
     Observe que Elias vivia em oração na montanha sagrada. No monte Elias falava com Deus; profetizava; vencia os seus inimigos. Elias era estrategista em suas batalhas. Para vencer os seus inimigos, ele os levou para o seu território – o monte Carmelo. O monte era a casa de Elias. O monte era o campo espiritual que iria garantir a vitoria do profeta sobre os seus inimigos (I Reis 18:19).
     Existe um mistério muito grande no monte sagrado, e Elias sabia disso. Quando uma pessoa trás o inimigo para o seu campo de batalha, para o lugar de sua fé, não há inimigo que fique de pé.

6º Segredo: Preparar o Altar no monte
     A primeira atitude de Elias no monte Carmelo quando ele foi derrotar os 450 profetas de Baal, não foi orar a Deus; não foi profetizar sua vitória; não foi clamar em voz alta como fizeram os feiticeiros de Baal. Elias conhecia o seu Deus e sabia em quem ele estava colocando a sua confiança. Elias sabia agradar a Deus. E a primeira coisa que Elias fez foi reparar o altar (I Reis 18:30).
     Observe que já tinha um altar no monte, mas o altar estava em ruínas, e por isso o povo de Israel estava vivendo uma miséria terrível (I Reis 18:30). O Senhor fez vir a seca sobre a terra, porque o altar estava em ruínas, o povo havia parado de sacrificar ao Senhor.
     Quando uma pessoa para de sacrificar no altar, o altar fica em ruínas, a glória de Deus não desce mais nesse altar, e assim também é a vida da pessoa que parou de sacrificar. E esta era a situação de Acabe e do povo de Israel.
     Elias então subiu ao monte, e a primeira coisa que ele fez foi consertar o altar do Senhor. É mais ou menos assim: Elias estava no monte para adorar a Deus não apenas com palavras, não apenas com os lábios, mas com sacrifícios. Mas como apresentar o sacrifício sem o altar? O fogo do céu viria, Elias sabia disso, mas para o fogo descer, Elias também sabia que era preciso construir o altar para colocar o sacrifício que agrada ao Senhor (Salmos 50:14-15).

7º Segredo: A oferta de sacrifício no monte
     O altar já estava preparado no monte Carmelo. Chegou então o momento do profeta Elias colocar sobre o altar a sua oferta de sacrifício (I Reis 18:33). O sacrifício no altar era a certeza da resposta de Deus, era a honra dada ao Deus que não falha e que não deixa a palavra do profeta cair por terra (I Reis 8:56).
     O sacrifício no altar em cima do Monte Carmelo era o segredo de Elias para envergonhar os seus inimigos. Com o sacrifício no altar no monte sagrado, Elias poderia orar, e clamar que o fogo viria dos céus, e assim aconteceu, o fogo desceu, conforme Elias havia profetizado (I Reis 18:33-39).
Tamanho da letra
Copyright ® 2011 Reino dos Céus | Todos os direitos reservados.
Contato: (31) 3422-3740 | (11) 2291-6030